Neutralidade Climática – Desafios e Oportunidades
PRÓXIMAS DATAS: 3 e 4 de novembro de 2021

Enquadramento

O que é a neutralidade carbónica, neutralidade climática, net-zero e climate-positive? É tudo o mesmo ou são conceitos diferentes? Como é que o cálculo da pegada de carbono pode facilitar as empresas? E como podem evitar, quantificar, reduzir, compensar e neutralizar as emissões? Quais os pontos críticos/chave no caminho da neutralidade climática e/ou net-zero? Nos últimos anos foram vários os acontecimentos relevantes: o Acordo de Paris; o lançamento da Iniciativa Science-Based Targets; a aplicação da Diretiva 2014/95/UE do Parlamento Europeu e do Conselho (divulgação de informações não financeiras); a adoção dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (particularmente o objetivo 13: Ação climática); e o Roteiro Nacional para a Neutralidade Carbónica que têm vindo a desencadear uma crescente pressão junto dos Governos, Empresas e Cidadãos para que sejam preconizadas ações reais e concretas. Cada vez mais, as empresas são solicitadas a comunicar e reduzir as suas emissões de gases com efeito de estufa. O conceito da neutralidade climática e/ou net-zero, assim como a compensação (offset) e neutralização de emissões, são palavras cada vez mais presentes na “gíria” do nosso dia-a-dia. É preciso então perceber e compreender em detalhe todas as etapas que conduzem à neutralidade climática e/ou net-zero, assim como os seus desafios e oportunidades.

Objetivos da Formação

  • Conhecer os conceitos de neutralidade carbónica, climática, net-zero e climate-positive: medir, evitar, reduzir, compensar e neutralizar as emissões.
  • Compreender melhor porque é que, atualmente, estes conceitos são relevantes e a motivação para as empresas aplicarem esforço humano e financeiro neste tema.
  • A importância de conhecer/calcular a Pegada de Carbono:
      • Conhecer os diferentes normativos existentes;
      • A importância da correta definição das fronteiras de cálculo da pegada de carbono;
      • A importância crescente do conhecimento das emissões associadas às diferentes categorias do âmbito 3.
  • Entender como se calcula a pegada de carbono, incluindo a compreensão detalhada do âmbito 1, 2 e 3, quais os gases com efeito de estufa a incluir e onde se podem consultar os fatores de emissão e outros parâmetros de cálculo.
  • Perceber os principais desafios inerentes ao cálculo da pegada de carbono.
  • Compreender a abordagem para a redução de emissões com os métodos diferentes para definição de objetivos de redução, a importância de plano e estrutura de gestão de implementação e monitorização de objetivos.
  • Conhecer as tipologias de projetos de compensação de emissões, identificando as vantagens e desvantagens de uns face aos outros; como e onde adquirir créditos para compensação das emissões; e quais os problemas associados ao offset.
  • Compreender melhor os desafios e dificuldades no processo de implementação do conceito de neutralidade carbónica, neutralidade climática, net-zero e climate-positive na Organização, incluindo exemplos práticos do que pode correr mal e como evitar problemas.

Conteúdo

Dia 1: 4 horas

  • Parte 1 | Introdução e Enquadramento: Histórico; Motivação
  • Parte 2 | Conceito da Pegada de Carbono:
    • Gases com efeito de estufa (Quais são, potencial de aquecimento global, fontes de emissão mais comuns, CO2 vs. CO2 equivalente);
    • Fronteiras organizacionais (conceito e exemplos);
    • Fronteiras operacionais (conceito e exemplos): âmbito 1, 2 e 3
  • Parte 3 | Sessão de Q&A e Exercício
  • Parte 4 | Conceito da Pegada de Carbono: Standards para o cálculo da Pegada de Carbono
  • Parte 5 | Conceito da Pegada de Carbono: Dados de Atividade e Fatores de Emissão
  • Parte 6 | Sessão de Q&A e Exercício
  • Parte 7 | Trabalhos de casa

  Dia 2: 3 horas

  • Parte 8 | Solução de trabalhos de casa
  • Parte 9 | Desafios ao cálculo da pegada de carbono
  • Parte 10 | Neutralidade Climática, Neutralidade Carbónica, Net-zero, Climate positive:
    • “Novo vocabulário” vs Conceitos;
    • Redução de emissões;
    • Compensação vs. Neutralização de emissões
    • Tipologias de Offsetting
    • Exemplos de empresas que já assumiram compromissos neste âmbito

Destinatários

  • Esta formação tem como público alvo pessoas que não tenham um conhecimento aprofundado sobre as vertentes que aqui são abordadas OU que pretendam fazer uma atualização dos conhecimentos já adquiridos
  • Responsáveis de Sustentabilidade, Assuntos Corporativos, Comunicação, Gestão Ambiental, Controlo de Risco, entre outros
  • Colaboradores envolvidos nos temas de Energia/Carbono/Clima

Datas

  • 3 e 4 de novembro de 2021

Formadores

Aleksandra Drewko

Carbon Expert

Catarina Furtado

Carbon Expert

Valores e Formatos

  • Presencial: 1 dia das 9:00 às 18:00 – 350€ (Acresce IVA à taxa legal em vigor). Inclui material de formação em formato digital, almoços e coffee-breakes.
  • Online: Dia 1 das 14:00 às 18:00 | Dia 2 das 14:00 às 17:00 – 250€ (Acresce IVA à taxa legal em vigor). Inclui material de formação em formato digital.
  • Intraempresa: adaptada às necessidades da sua empresa. Por favor contacte-nos para mais informações.

Política de Descontos

Desconto de 10% para: 2 ou mais participantes da mesma organização; clientes Stravillia; associados APEA, BCSD, GRACE e empresas B Corp.